AVALIAÇÃO PSICOMOTORA: UM ESTUDO DE CASO.

Ricardo Alexandre Aneas Botta, Jéssica Oliveira Alves Velasco

Resumo


Segundo (Costa, 2002), A Psicomotricidade baseia-se em uma concepção unificada da pessoa, que inclui as interações cognitivas, sensório motoras e psíquicas na compreensão das capacidades de ser e de expressar-se, a partir do movimento, em um contexto psicossocial. Ela se constitui por um conjunto de conhecimentos psicológicos, fisiológicos, antropológicos e relacionais que permitem, utilizando o corpo como mediador, abordar o ato motor humano com o intento de favorecer a integração deste sujeito consigo e com o mundo dos objetos e outros sujeitos.

A psicomotricidade está relacionada com o processo de maturação, no qual o corpo é a origem das aquisições cognitivas, afetivas e orgânicas, sendo sustentada pelo movimento, intelecto e afeto. 

É a capacidade psíquica de realizar movimentos, através da atividade psíquica que transforma a imagem para a ação em estímulos para os procedimentos musculares adequados.

Pode-se assim dizer que a psicomotricidade é um termo usado para uma concepção de movimento organizado e integrado, de acordo com as experiências vividas pelo sujeito cuja ação é o resultado da sua individualidade, linguagem e socialização. 

No início, a psicomotricidade fixava-se apenas no desenvolvimento motor. Depois, estudou a relação entre o desenvolvimento motor e intelectual da criança e só agora estuda a lateralidade, a estruturação espacial, a orientação temporal e as suas relações com o desenvolvimento intelectual da criança.

A o estudo de caso foi realizada em uma criança de 4 anos, onde foi observado e realizado testes psicomotores e de aprendizagem com a criança, segundo Silva e Winkeler, ao observar as crianças, é possível afirmar que elas possuem vontades, sentimentos e necessidades que assumem características próprias.

À medida que o adulto lhe dá condição e orientação para explorar tudo àquilo que a cerca, deixando-a agir por seus próprios interesses, irá progressivamente adquirindo experiências que servirão de suporte a um melhor conhecimento de seu corpo e de suas possibilidades de movimento. Toda esta estimulação, além de possibilitar à criança uma adaptação motora, favorece também o trabalho de um real desenvolvimento psicomotor

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.